Bispos

Postado dia 13/01/2016 às 15:35:45

Dom Getúlio Teixeira Guimarães (SVD) - Bispo Emérito

Dom Getúlio Teixeira Guimarães (SVD) - Bispo Emérito 

O terceiro Bispo da Diocese de Cornélio Procópio, foi Dom Getúlio Teixeira Guimarães. Nasceu aos 17 de outubro de 1.937 em Cipotânea, Minas Gerais. Sua Ordenação Sacerdotal data de 04 de agosto de 1.966, em Barbacena. Aos 22 de março de 1.981 acontece a Ordenação Episcopal na cidade de Ponta Grossa, Paraná.

O Papa João Paulo II o elegeu Bispo residencial de Cornélio Procópio. A posse deu-se em 20 de maio de 1.984, com a presença de Dom Carlo Furno, que na época era o Núncio Apostólico do Brasil.

Após 30 anos de dedicação e zelo, Dom Getúlio passou a ser Bispo Emérito 01/06/2014, com a posse do novo Bispo, Dom Manoel João Francisco.

Nos anos que esteve a frente da diocese, Dom Getúlio colocou em prática o seu lema: “Qui Pertransiit Benefaciendo” (Que passou fazendo o bem). Como Pastor zelosíssimo pelo rebanho, incentivou o surgimento de vocações e não se cansou de convidar os leigos a assumirem o seu protagonismo dentro da Igreja.

As prioridades e destaques pastorais assumidos na caminhada evidenciaram a preocupação evangelizadora de Dom Getúlio. Ele convocou e animou os diocesanos (as) para se doarem à missão e a dar um novo impulso à Evangelização.

 

BRASÃO  (Descrição heráldica)

Brasão: de estilo francês moderno. Chefe em goles, contendo em seu flanco direito três morretes em prata, de forma ascendente e o do centro vem entrecimado de uma cruz, também de prata. O campo inferior em blau, com estrela de quatro pontas de prata, e em coração. Em contra-chefe três rios em onda, igualmente de prata.

Ornamentos: Chapéu episcopal, com duas séries de seis borlas, pendentes aos flancos do escudo.

Timbre: Cruz episcopal de prata.

Lema: QUI PERTRANSIIT BENEFACIENDO, em listel de prata, com reverso em goles.

Descrição Simbólica: O brasão sintetiza as idéias mestras do idealizador. Três campos distintos chamam a atenção. O mais elevado projeta três morretes, simbolizando os três planaltos que caracterizam o Estado do Paraná. O monte central, assinalado com a cruz, situa a cidade de Ponta Grossa, lugar da Ordenação Episcopal de Dom Getúlio Teixeira Guimarães. O mesmo monte central é ainda o reflexo do brasão da Sociedade do Verbo Divino, a quem pertence Dom Getúlio, a mostrar a razão de sua missão de difundir o bem da Palavra de Deus. Destacam-se os montes num fundo vermelho, que traduz a caridade que abrasa aos que se entregam ao serviço do Senhor.

No campo médio, o fundo contrastante em azul é o decurso da vida, iluminado por uma Estrela, que aponta a via segura para o alto. A Estrela da caminhada é a Virgem Santa.

No campo inferior, destacam-se três ondulações de prata, que lembram os três rios que cortam Cipotânea, terra natal do Prelado.

E o lema expressivo “QUI PERTRANSIIT BENEFACIENDO”: “Que passou fazendo o bem”, é a mensagem que traduz em palavra todos os detalhes, que dá alma a todos os símbolos. Os rios fertilizam a região: não param, derramam o bem, e passam. Maria, modelo de doação, é a Estrela que guia a Jesus: brilha, ilumina, orienta... passa fazendo o bem.

E a Cruz é a expressão máxima do bem que Jesus fez à humanidade: A Redenção.

 


envie seu comentário »

Veja Também

Veja + Bispos